quarta-feira, 22 de abril de 2015

20-26Fev15. República das torturas, das milícias e das demolições





Diário da cidade dos leilões de escravos

20 de Fevereiro
José Francisco: “o racismo está nos pretos uma cambada de gatunos”. Cerqueira Antonio: “Preto é preto seu apelido é merda e não há um bom há um melhor que outro mais nada”. Renata Micaello Rodrigues: “ São aqueles que se acham mais que os outros que em PT não tinham nada e trabalhavam na caixa do supermercado e aqui são magnatas. Ainda bem que não lhes custa a ganhar, vai-se a ver fervem água da torneira”.
No dia 19 de Fevereiro, conforme vídeo publicado no Facebook de uma câmara de vigilância, jovens assaltantes entraram na clínica Cligest – salvo erro na zona de Viana – um deles empunhando uma Akm impunha o respeito. Assaltaram o guiché e pouco depois saíram com o baú da bala. 
Angola é um supermercado de petróleo, onde corruptos e regimes sem escrúpulos regularmente se abastecem. Os mwangolés estão proibidos de lá se abastecerem porque esse supermercado é para uso exclusivo de estrangeiros e de alguns – muito poucos – nacionais.
21 de Fevereiro
A minha vizinha bateu na porta, abri, cumprimentou-me muito rápido – aqui andamos todos muito rápidos, deve ser por isso que as cabeças andam no ar, nas nuvens – e quase sem me deixar falar, disparou-me se eu tinha um moinho, desses para moer os vegetais da sopa. Respondi-lhe que não porque o que comprámos de fabrico chinês partiu-se ao meio. Aproveitei para lhe perguntar se o dela também era de fabrico chinês, sim, também se partiu ao meio, respondeu ela. Pois, disse-lhe, já te tinha dito para não comprares nada chinês, porque tudo se desintegra. Será o mesmo que acontecerá à China nos próximos tempos? Veremos!
Deputados que recebem carros de custo por unidade de cento e cinquenta mil dólares, esses deputados creio que não têm nenhum interesse, porque não defendem os seus eleitores, servem-se deles para os seus interesses pessoais.
Saudemos a hipocrisia política e religiosa, o método mais subtil, voraz, da destruição das nossas vidas.
22 de Fevereiro
Quando nos metemos com as pessoas erradas, claro, nada bate certo. Todos os dias são de amargura e de terrível incerteza.
A casa da minha amiga Aléxia foi assaltada, roubaram-lhe os computadores, documentos pessoais e outras coisas. Ela explicou que antes a filha foi assaltada e que lhe tinham roubado as chaves. Ela também explicou que esse assalto é obra de jovens drogados que assaltam para conseguirem drogas para abreviarem as suas vidas, porque o inferno está de chamas bem atiçadas à sua espera.
Mais uma dos chineses, as molas da roupa muito perigosas: ao estender uma toalha, apertei a mola do chinês que se desfez. E uma haste de plástico pontiaguda enfiou-se no meu dedo indicador da mão direita, feriu-me, saiu sangue, só ao fim de três dias é que o dedo começou a funcionar normalmente. Ó chineses! Quando é que param com essa vossa propaganda comunista?
23 de Fevereiro
A nível mundial: quanta mais informação, mais miséria.
O moço obrigou a moça a namorar com ele, ela disse que não queria. Ele disse que ela era a sua namorada, ela disse-lhe que como é isso de eu ser a sua namorada se eu não quero. E ele, é pá agora é assim, tu és a minha namorada, ok?! E como ela lhe disse muitas vezes que ele não era o seu namorado, então ele matou-a.
Entretanto, Angola e a África retrocedem para o tempo dos caçadores de cabeças.
Para por à prova os conhecimentos da juventude mwangolé, costumo perguntar-lhes: A capital do Lubango é Huíla e o rio Kwanza nasce no Bengo. Aos que estudam economia: John Keynes foi um presidente americano.
Entretanto, África não consegue libertar-se dos Idi Amins, dos Bokassas, dos Robert Mugabes, etc.
24 de Fevereiro
No minimercado Pomobel cerca das onze horas da manhã. O jovem sai do minimercado, vai para o local onde estacionou a sua mota, mas ela já lá não está. Os gatunos levaram-na, roubaram-na.
Se retirarmos o petróleo isto fica um deserto.
Pelas oito horas da manhã na Rua da Samba na zona do Nzamba 2, conforme vídeo publicado no Facebook, três jovens assaltam uma viatura com uma jovem a conduzir. As portas abrem-se eles entram e bazam com a viatura e com a jovem. Ninguém ousou um gesto contra, porque esses jovens andam armados e disparam a matar.
A principal produção da África é os refugiados, a miséria, a fome e a intolerância, e as suas fábricas trabalham em pleno.
Mas no caso da política da governação de Angola, está uma trapalhada tal que ninguém se consegue entender, e quando isso acontecer… será, acontecerá?!
De qualquer modo “as intimidações do Ocidente” e o fim da cooperação estratégica com Portugal, não impedem o apoio à miséria, à fome e à escravidão dos mártires angolanos. Mas quem comanda a vergonha, o horror em Angola é a actuação dos chineses que nem um carro sabem conduzir, e com isso mais destroem, mais matam e saem incólumes, felizes da vida por tais feitos, os novos heróis da África. Nas obras de construção civil o cimento e os tijolos são falsos, e como se não bastasse utilizam mão-de-obra de crianças. Tudo o que o chinês faz é falso, apesar disto continuam o número um da cooperação. Ah! África de Lampeduza!
25 de Fevereiro
Os preços sobem, sobem, e a nossa miséria desce, desce, cresce, cresce.
O português do segundo andar engatou mais uma jovem prostituta para passar a noite. Não durou muito tempo porque ela desceu as escadas a correr, chegou no rés-do-chão e rebentou: «Cem dólares?! Vai foder com a tua mãe!
Se ao memos existisse alguma Identidade superior que protegesse as crianças. Mas não, há de facto muitas identidades superiores que matam as crianças.
Eles lutam para ocuparem tudo. Nas traseiras dos prédios é destruição constante. Na selva governativa eles aniquilam as nossas vidas.
Os seguranças seguram o hotel inseguro. Comida que sobrou vai para o lixo e os seguranças com fome ficam revoltados porque no hotel proíbem-lhes de comer a comida que lá se cozinha, porque no hotel dizem que quem tem de preocupar-se com isso é a empresa de segurança deles, mas como essa empresa não se preocupa com isso, os seguranças vão passando fome até caírem definitivamente – nunca mais se levantarem - em missão de serviço.
Há uma semana que um menino de oito anos desapareceu quando saía da escola. Os pais continuam aflitos à procura dele.
Imporem-nos uma vulgar estátua de madeira e chamar-lhe nossa senhora da Muxima, isso não é fundamentalismo religioso? O Governo angolano tem que parar com isto, porque é a propagação do analfabetismo, da superstição, do obscurantismo para explorar os mwangolés. O deus dos mwangolés é Kalunga. E se forem na conversa deles – dos padres – em breve teremos aqui outro Ruanda, outra Nigéria.
Angola, para alguns muita alegria, para milhões muita tristeza.
Muitas pessoas estão a desaparecer no Uíje. Uma vizinha envenenou uma jovem de treze anos. Isso foi confirmado pela autópsia. Andam à caça da vizinha envenenadora.
26 de Fevereiro
O ouro está a 1.201.00, o Brent Crude Oil a 61.63 e o WTI Crude Oil a 50.99 dólares. Para quê insistir no aprofundamento do abismo se o petróleo já era. Para quê viver de sonhos se eles são pesadelos permanentes. Viver do petróleo, eis a incerteza do futuro. Este petróleo é a incerteza do amanhã para as crianças porque este futuro cheira a outra vigarice.