domingo, 7 de dezembro de 2014

Honra e glória às nossas heroínas





Luanda. Laurinda Gouveia foi torturada com barras de ferro por seis comandantes da Polícia, porque lembrou-se de tirar fotografias numa manifestação pacífica de jovens.