sexta-feira, 7 de outubro de 2016

"Rainha Ginga" de Agualusa semifinalista de prémio literário no Brasil



O romance "Rainha Ginga", de José Eduardo Agualusa, é um dos 50
semifinalistas do Oceanos-Prémio de Literatura em Língua Portuguesa, que
distingue autores lusófonos com obras publicadas no Brasil. O escritor
angolano foi seleccionado de um lote de 740 participantes, e disputa
agora um lugar entre os 10 finalistas à eleição final, marcada para 6 de
Dezembro.

Novo Jornal
Foto: /DR/

Oceanos-Prémio de Literatura em Língua Portuguesa, com a obra "Rainha
Ginga", José Eduardo Agualusa concorre agora a um lugar no grupo de 10
finalistas, que serão conhecidos no próximo dia 18 de Novembro, três
semanas antes da revelação dos quatro vencedores - um por cada categoria
a prémio.
Os candidatos ao galardão, distribuídos pelos géneros poesia, romance,
conto e crónicas, vão dividir um "bolo" de 230 mil reais, equivalente a
cerca de 71 mil dólares.
De acordo com os organizadores, a presente edição do Oceanos bateu
recordes de participação, com 740 inscritos, e um número crescente de
autores não-brasileiros, como o angolano José Eduardo Agualusa ou os
moçambicanos Mia Couto e Lica Sebastião.
Nesta primeira etapa com um júri composto por 42 especialistas, a
próxima fase do concurso vai incluir a crítica literária Flora
Süssekind, os escritores Cristovão Tezza, José Castello e Rodrigo
Lacerda e os poetas Heitor Ferraz e Sérgio Alcides.

Os quatro vencedores serão anunciados a 6 de Dezembro.