segunda-feira, 27 de outubro de 2014

O campo de concentração do banco millennium Angola





12.35 horas. Os olhos já ardem e o nariz sente-se irritado pelo fumo do gerador. Na cozinha já não se pode estar porque o vento está forte e na direcção das portas e janelas algum fumo penetra pelas frestas e também nas outras áreas da casa. O perigo é as crianças que na sua inocência nem se apercebem da morte, pois se permanecerem no local de certeza que não escapam, ou ficarão precocemente com lesões pulmonares. Este petróleo e os portugueses que dele se corrompem matam mal, muito mal.